Pesquisar neste blog

quarta-feira, 27 de julho de 2011

OFICINA CULINÁRIA REGIDA PELO SIGNO DE CÂNCER

Cozinhar sob o luar é bom demais, dá inspiração e a vontade de compartilhar aumenta.
No dia 16 de Julho a oficina da cozinha experimental "Comidas com Propósitos"foi um souflé colorido e enriquecido, sem lactose e riquíssimo em Fibras, aminoácidos, vitaminas e minerais, sua composição inovadora prova isso tudo.
Com o apoio da Fumel, empresa de alimentos integrais, foi possível fazer bonito e saudável.
O recheio também estava cheio de propósitos e funcionalidade, era só coisa boa: espinafre com o seu cálcio e suas fibras, a cenoura com o seu Betacaroteno, a cebola com o seu campferol, o alho com a sua alicina e o queijo minas com o seu cálcio, todos lá com os seus princípios ativos deixando a gente com mais saúde, com mais disposição, com mais energia e mais vitalidade.
Obrigado a equipe, Rafaelle e Celina, por participarem com tanta boa vontade e amor, isso é cozinhar, compartilhar, assar e comer.
Obrigado a Lua Cheia, ao Bichinho do Mato e ao signo de câncer que ajudaram a reger essa oficina com tanta maestria e sabor.
Obrigado a Fumel que prontamente apoiou a nossa oficina com matérias-primas de alto valor nutricional.
Agora vamos comer que o souflé acabou de sair do forno!!!!!

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Compartilhar experiências de Trabalho com os colegas, é muito bom!!!!

Obrigado pelo convite!!!!
Falar de Alimentação e Cultura é um grande prazer. Realmente são assuntos muito interessantes dentro da Nutrição, porque o Profissional precisa parar e pensar em tudo que envolve o ato de comer. Porque ora o paciente quer se nutrir, fazer uma combinação perfeita entre CHO, LIP e PTN, e ora ele precisa simplesmente comer para saciar as "fomes"interiores, a ausência de alguém ou o fim da suada monografia, e nisso tasque caloria para dentro.
E enquanto isso nós profissionais no consultório e numa grande saia justa,  temos que entender e conseguir transformar o plano alimentar individual em algo que de fato atinja  o indivíduo em sua plenitude, alimentando ele com nutrientes e com memórias afetivas.